14

ago
2018
Prejuízos de um estoque mal gerenciado – Como evitar?

Prejuízos de um estoque mal gerenciado – Como evitar?

Um dos grandes problemas implicados quando se tem um comércio está relacionado aos prejuízos de um estoque mal gerenciado. É bem comum entrarmos em lojas e supermercados e nos depararmos com prateleiras cheias de produtos, de forma desordenada, ou, por vezes, gôndolas vazias, não é verdade?

As duas situações são passíveis de acontecer quando não há uma gestão que trabalhe com eficiência para cuidar desses detalhes que não têm nada de pequenos e podem acarretar em implicações sérias ao que diz respeitos aos resultados financeiros e lucros da empresa.

É preciso evitá-las! Levar um supermercado, ou qualquer outro tipo de loja para frente, exige organização e planejamento para que ocorrências como essas não aconteçam, causando a perda de estoque e até mesmo o fechamento das portas do estabelecimento. Quer aprender, portanto, como evitar esse problema? Acompanhe o artigo a seguir e confira dicas básicas que podem te ajudar a gerenciar o seu negócio de maneira correta!

 

Quais são os prejuízos de um estoque mal gerenciado?

 

Planejamento é tarefa crucial para fazer o seu negócio dar certo! De nada adianta a estocagem exacerbada de um mesmo tipo de produto se já existe quantidade ideal disponível para a venda. Acúmulo é um ponto encontrado na lista de prejuízos causados por um mal gerenciamento. E não somente!

 

  • Perda de mercadoria

 

Quando se tem muitos produtos acumulados, consequentemente, acontecerá a perda de mercadorias. Pergunte-se: qual é a necessidade de estocar mercadorias se já existe quantidade considerável delas, que ainda não foram vendidas, nas prateleiras? Não parece fazer muito sentido, não é? E não faz!

Evite o desperdício de produtos e de investimentos! O dinheiro que você investirá para estocá-las, será perdido caso ninguém as compre. Por isso, pense sempre de modo equilibrado, naquilo que realmente é necessário para atender as demandas e procuras dos seus clientes.

 

  • Perda de vendas e de clientes

 

A decisão de abrir uma loja nos deixa expostos aos dois lados da moeda, ou seja, estamos sujeitos a pecar por excesso e pela falta de produtos. Não é difícil avistarmos prateleiras vazias em supermercados. Isso é também resultado de falhas no gerenciamento do estabelecimento.

Se você não estiver apto a atender às necessidades dos consumidores é bem provável que a empresa tenha de fechar as portas em um futuro bem próximo. A falta é geradora da perda não apenas de vendas, mas de clientes que sem dúvidas ficarão insatisfeitos por não encontrarem o que procuraram.

estoque repor

Como melhorar o gerenciamento de estoque?

 

Ter uma empresa requer investimentos que podem ser bastante altos, por essa razão, é de extrema importância que ela receba as devidas atenções e cuidados para que um projeto não seja todo colocado por água a baixo e implique em diversos prejuízos e despesas.

O objetivo agora é colaborar com a melhoria do gerenciamento de estoque do seu estabelecimento. Se você, por um instante, percebeu que estava caminhando para alguns dos lados inadequados de gestão, é hora de começar a repensar as estratégias e modo de organização que está sendo implantado no seu negócio.

Repita-se, o estoque de produtos deve abarcar somente o necessário! Exagero nunca foi bom para nenhum setor e nenhuma situação. Exagero é sinônimo de perda e perda é a tradução exata para um mal gerenciamento. Se a loja não está precisando de determinado item, não tem porquê estocar mais, invista apenas no que estiver em falta e seja, de fato, indispensável.

Compreenda a demanda de produtos do seu público e tenha o controle da mercadoria. É fundamental conhecer os artigos que normalmente apresentam

maior procura e os que não são considerados tão relevantes para a maioria dos frequentadores da loja. Essa é uma forma excelente de conseguir controlar tudo o que entra e sai da sua empresa e o que precisa ser reposto com mais e menos urgência.

Apostar em um sistema de software de gestão especializado é uma ótima opção para manter esse controle de mercadorias. Os produtos, fornecedores e tributos são cadastrados a fim de minimizar a quantidade de erros. Com o sistema, o empresário tem visibilidade ampla dos produtos que alcançam maior número de vendas, da rotatividade e daqueles que ficam parados nas prateleiras. A SG Sistemas é exemplo desse serviço de software de gestão eficiente. Vale a pena conhecer!

 

Caminhar para o sucesso exige organização e planejamento em todas as esferas que embasam possuir um negócio próprio. Não vale abusar e realizar investimentos desmedidos e comprometedores. Equilíbrio, portanto, é a palavra de ordem para que as vendas fluam de maneira satisfatória. Aplique isso na prática e evite os prejuízos de um mal gerenciamento!

 

  • Tags: