27

set
2017
3 soluções essenciais para sua empresa

Preparamos uma lista com as 3 soluções essenciais para sua empresa, pois, desde a abertura de uma empresa o gestor precisa estar ciente do quão importante é a utilização de ferramentas para auxílio da gestão e atendimento. Vamos saber quais são elas:

Sistema de ERP

O ERP (entrerprise resource planing) conhecido no Brasil como Sistema Integrado de Gestão, como o próprio nome sugere, este software abrange todos os setores de uma empresa como: recebimento, estoque, retaguarda e frente de loja. Realizando o controle dos processos da empresa. Sendo assim a base para uma gestão de qualidade.

Através da melhor compreensão de todas as etapas do negócio, a empresa pode aperfeiçoar seus processos. É possível também detectar as áreas com menor eficiência e focar em ações que melhorem o desempenho dessas áreas.

Em empresas de pequeno porte a ferramenta de ERP é ainda mais recomendada, pois sua utilização em tomadas rápidas de decisão é de extrema importância para a sobrevivência da empresa.

Saiba mais: ERP, o que é e para quê serve

Sistema emissor de documentos fiscais eletrônicos

De acordo com a legislação brasileira (Lei 8.846/94 – Artigo 1º), a emissão da nota fiscal deve ocorrer sempre no momento da realização de uma transação seja a venda ou a prestação de um serviço.  Sendo a nota fiscal o documento que comprova que sua empresa efetuou a venda de um produto ou realizou algum serviço.

NF-e substitui a nota fiscal impressa em papel. Nela todos os dados referentes a operação são transmitidas para a SEFAZ  e autorizadas para sua emissão. Notas fiscais são a prova de que sua empresa paga ao governo os devidos tributos, gerando mais confiança aos fornecedores e clientes.

Os tipos mais comuns de Notas Fiscais Eletrônicas são:

NF-e

Nota Fiscal Eletrônica: foi criada em substituição as notas fiscais de modelos 1 e 1A, utilizadas nas operações de venda e prestação de serviço, que está relacionado à cobrança do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).

NFC-e

Nota Fiscal do Consumidor Eletrônica: é um documento legal que comprova que o consumidor adquiriu determinado produto ou serviço e admite os custos reais da operação, além de facilitar o controle fiscal por parte do governo, ao empresário, permite maior agilidade no atendimento e demonstra para o consumidor transparência na transação.

NFS-e

Nota Fiscal de Serviço Eletrônica: criado em substituição a Declaração de Serviço, documento exigido pelo município e estando relacionado à cobrança do ISS (Imposto Sobre Serviço). Uma característica da NFS-e é o fato de que ela é regulada pelos municípios, com impostos fixados por cidade e um código fornecido pela prefeitura.

CT-e

Conhecimento de Transporte Eletrônico: é voltado para a documentação de prestação de transporte rodoviário de carga, foi criado em 2012. Implica na redução dos custos de frete e menor chance de divergências entre notas e produtos transportados, uma vez que tem o foco em reduzir o número de pagamentos e faturas duplicadas.

Tem sua autenticidade comprovada pela Assinatura Digital do vendedor e pela permissão fornecida pela SEFAZ.

Substitui diversos documentos exigidos para se fazer o transporte de carga, dentre eles: Conhecimento de Transporte Multimodal de Cargas, Conhecimento de Transporte Rodoviário de Cargas, Conhecimento de Transporte Aquaviário de Cargas, Conhecimento Aéreo e Conhecimento de Transporte Ferroviário de Cargas.

MDF-e

MDF-e é um documento digital que substitui arquivos impressos. Existe apenas eletronicamente, mas é preciso imprimir o DACTE (Documento Auxiliar do Conhecimento de Transporte Eletrônico). O objetivo do Manifesto é agilizar a burocracia que envolve o transporte de cargas, padronizando os processos por meio de um documento único e eletrônico que servirá de modelo para a toda a cadeia logística.

Saiba mais: Tire suas dúvidas sobre NF-e

Solução para operações com cartão de crédito - TEF

O TEF (Transferência Eletrônica de Fundos) é o sistema de computador que executa transações financeiras de forma eletrônica. O processo é simples: Este software fica instalado no computador do caixa, onde o Pin Pad (máquina onde o cartão é inserido e a senha é digitada) também fica conectado, ao passar o cartão na maquininha, o sistema captura as informações e as envia via internet para a rede de cartões.

As soluções da  SG Sistemas trabalham com módulo de TEF dedicado. Esta solução permite a realização de transações de crédito/débito diretamente no PDV, além de correspondente bancário. Ao disponibilizar essas funcionalidades, há mais atratividade para a sua loja, fazendo com que os clientes acabem comprando outros produtos em sua empresa.

Utilizar uma solução de ERP com frente de caixa integrado ao TEF é muito importante, trazendo diversos benefícios ao seu negócio.

Saiba mais sobre o TEF e suas vantagens: O que é TEF?

Utilize as 3 soluções de forma integrada

Ao contratar um software ERP, é extremamente necessário checar se ele atende as principais necessidades em gestão da sua empresa. O uso de um software completo, mostra-se ser uma necessidade nos dias atuais tanto pelas exigências da legislação como pelas vantagens competitivas, que podem ser alcançadas com a implantação de um ERP. O SG ERP Linux é uma solução completa (de acordo com os módulos contratados). Abrange todos os controles gerenciais e atende a toda a legislação vigente e também com soluções para emissão de NF-e através do SG DFE e integração com as operações de cartões através do SG TEF.

Veja mais notícias relacionadas sobre sistemas para supermercados.

  • Tags: